Cotidiano

Araraquara é pioneira na implantação do tratamento terapêutico no SUS!

Prefeitura vai oferecer tratamento de ozonioterapia pelo SUS, saiba mais!

ozonioterapia sus araraquara

Araraquara será pioneira na implantação ambulatorial de ozonioterapia para pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde). Nesta quarta-feira (5), o prefeito Edinho formaliza oficialmente a introdução da prática terapêutica na rede municipal. O ato de assinatura da autorização acontece às 15h, na sede da Vigilância em Saúde.

A atividade deve contar com as presenças do presidente da Associação Brasileira de Ozonioterapia (Aboz), Arnoldo de Souza, e do promotor de Justiça aposentado do Ministério Público do Estado de São Paulo, Raul de Mello Franco Junior.

Vale destacar que a implantação da ozonioterapia em Araraquara conta com o incentivo e suporte jurídico do Ministério Público, além da ajuda técnica da Aboz.

O tratamento será implantado por uma equipe multidisciplinar, por meio do Núcleo de Gestão Assistencial (NGA3). O ambulatório atenderá os casos mais complexos na área de feridas e úlceras de pressão encaminhados pelas unidades básicas de saúde.

“A formalização da implantação da ozonioterapia é um passo essencial para que a Secretaria Municipal de Saúde possa efetivar o serviço e estabelecer os protocolos necessários”, explica o coordenador de Atenção Especializada da Secretaria de Saúde, Edison Rodrigues Filho.

De acordo com o Rodrigues Filho, a ozonioterapia é uma prática nova no Brasil, mas amplamente utilizada em vários países, como Alemanha, China, Cuba e Itália. Em março de 2018, foi incorporada à Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC) do Governo Federal.

O coordenador lembra ainda que, no ano passado, a Prefeitura realizou palestras sobre o tema em parceria com o Ministério Público e providenciou formação para profissionais da Secretaria Municipal de Saúde.

Sobre a ozonioterapia

A ozonioterapia é uma prática integrativa e complementar de baixo custo, segurança comprovada e reconhecida, que utiliza a aplicação de uma mistura dos gases oxigênio e ozônio, por diversas vias de administração, com finalidade terapêutica.

O potencial terapêutico do ozônio ganhou atenção graças à sua capacidade de induzir o estresse oxidativo controlado e moderado quando administrado em doses precisas.

O ozônio é uma molécula biológica presente na natureza e produzida pelo organismo. O ozônio medicinal (uma mistura de ozônio e oxigênio) representa um estímulo que contribui para a melhora de diversas doenças, uma vez que pode ajudar a recuperar de forma natural a capacidade funcional do organismo.

Alguns setores de saúde de diversos países vêm adotando regularmente essa prática em seus protocolos de atendimento, como a odontologia, a neurologia e a oncologia, dentre outros.

As informações são da assessoria de imprensa da Prefeitura de Araraquara.

LEIA TAMBÉM

+ Sesi Araraquara fará festa na piscina com show e entrada gratuita!

+ Estudante de Araraquara é eleito “Melhor Estudante do Bem” com homenagem para sua mãe!

+ Parque do Basalto será reaberto com acesso para cachoeira!



Comentários

Your email address will not be published. Required fields are marked *